sábado, 19 de fevereiro de 2011

Especial Raul Seixas!

Se Raul Seixas tivesse vivo, diria a ele, o que ele significa na minha vida, o que ele fez da minha vida. Quem tem a Raul enlouquece e não precisa de pscicologo, nem de escola. Quem tem a Raul, tem um mestre.
Não é apenas um cantor e compositor, é O cantor, O compositor.
Raul, meu caro mestre, tu me ensinou que "basta ser sincero e desejar profundo, você será capaz de sacudir o mundo" e tenho que dizer "pare o mundo que eu quero descer, para o mundo que eu quero vencer"
"Um sonho é só um sonho quando se sonhado só, sonho que se sonha junto é realidade"
As vezes me pergunto, o que tem nas tuas letras, o que tem nas tuas musicas, que essência é essa que me faz delirar, amar, sonhar, viver?
Quando eu era só um bebe, dormia ao som de Raul Seixas. Raulzito meu amigo, meu velho amigo, queria que tu tivesse hoje, aqui, mostrando pra essa geração o que é a verdadeira loucura. "A arte de ser louco é jamais cometer a loucura de ser um sujeito normal" pois "o sonho do careta é a realidade do maluco"
"Enquanto você se esforça pra ser um sujeito normal, e fazer tudo igual, eu no outro canto aprendendo a ser louco, uma maluco total.. "
Isso é loucura, a loucura, a essência de ser louco por dentro, e não se vestir igual um louco, loucos são mais lúcidos que um careta que esconde seu sonhos e finge uma possível lucidez.
Aprendi com Raul que Deus tem mais de mil nomes, e a pergunta é Por que?
Em um show ele disse assim: "olha aqui, esse show, essa pequena amostra, uma amostra compacta de alguns rocks, no tempo de 50, nos primórdios, mas eu vou incluir um meu aqui, que pediram, é o rock das aranhas. Bom, vocês sabem, que existe, um dicionário, que saiu agora, chamado 'dicionario da censura', o dicionário da censura é o seguinte: todo compositor brasileiro tem obrigação de receber um dicionário dessa grossura, com todas as palavras proibidas. Inclusive, uma palavra proibida, eu não sei porque, éé, povo, gente, universidade... escola, não pode se falar disso em música, inclusive pintou a palavra aranha depois de mim... eu fui o percursor da aranha... depois de Deus"
Raul sobreviveu a uma censura inigualável, a censura de cantar, expressar opinião, Raul foi o herói das gerações, agradeço a ele.
Raul disse: "não diga que a vitoria esta perdida, se é de batalhas que se vive a vida, tente outra vez"
"Não se pergunte, faça" "Eu sou o que sou por que eu vivo da minha maneira" e você pode ser o que quiser, é só querer.


Então meu caro amigo, "tenha fé em Deus, tenha fé na vida, tente outra vez", seja aquela "metamorfose ambulante, em vez de ter aquele velha opinião formada sobre tudo"
"Nunca é tarde pra começar tudo de novo", e não, "eu não sou louco, é o mundo que não entende a minha lucidez"

Pra quem não sabe quem foi Raul, não me pergunte, eu não saberia definir ele pra você, cada um tem sua definição, pra mim ele é um Mestre, pra você... bom, escute Raul, depois diga-me...


"E viva a sociedada alternativa", Viva Raulzito.

"Quem não tem colirio, usa óculos escuro"
"ooh, seu moço do disco voador, me leve com você, por onde você for"



"Tente.

Levante sua mão sedente e recomece a andar.
Não pense que a cabeça aguenta se você parar.
Tente outra vez"

é isso, o resto é problema teu!








2 comentários:

Pam vale disse...

Taiiiii, amo seu blog *-*
sempre por aquiii...
bjins . Pam.

On The Rocks disse...

pô, eu tinha um k7 com uma entrevista do jô soares com o raul hilária. lembro de uma pergunta que john lennon fez pra raul querendo saber quem era a figura mais importante no brasil, já que eles estavam conversando sobre gandhi, maomé, darwin... então raul disse que ficou nervoso na hora e não lembrou de ninguém! então respondeu: "café filho".

kkkkk...

bj

BlogBlogs.Com.Br