quinta-feira, 6 de maio de 2010

Os nossos sonhos versus os sonhos dos nossos pais (pra nós mesmos)

Quando o filho nasce os pais fazem mil planos para o seu futuro. E são tantos os planos. Eles não querem que os os filhos se decepcionam, não querem que vivem numa hipocrisia de poluição injustas, fazem mil planos de cursos essênciais, faculdades...e querem que sejam estudantes aplicados.
E esses planos são tão impressionastes, o filho vai virar médico, engenheiro, advogado, dentista.
Mas, será que é isso que realmente eles querem?
Quando a criança é pequena ela já não gosta de ouvir os planos dos pais para o seu futuro, elas vejam os seus sonhos, desejos, vontades, ir embora, distanciar-se de suas mãos e quando cresce e vira adolescente muda completamente.
Adolescentes teem tantos sonhos, sonhos reprimidos pela vontades e desejos dos pais, o sonho de fugir de casa pra viver de música, fazer teatro, ser fotografo. Adolescentes teem vontade de ralar os dedos num violão o dia todo, de ficarem roucos cantando, gritando e interpretando num palco. E as vezes ficam longe do que realmente gostam e sem sucesso naquilo que os pais querem pra eles.
Talvez os filhos precisam decidirem por eles mesmos o que eles realmente querem, obviamente a familia precisa dar a opinião do "certo ou errado" porem a familia não deve decidir o que o filho vai ser, que faculdade ele vai cursar e onde ele vai trabalhar.
Existem tantas coisas que eu queria ter feito e não fiz. Tenho tanto sonho reprimido, coisas que eu nunca disse pros meus pais que eu queria fazer, por que a resposta eu já sabia.
Tenho o sonho de cursar teatro, fotografia e dança de salão ( tipo tango, amo tango), tambem queria fazer jornalismo, adoro comunicação e acho que foi por isso que criei esse blog. E quando eu falei pro meu pai que queria fazer jornalismo, ele riu, falando que não tem futuro. Mas o que é o futuro? Não é fazer o que se gosta?
Certamente vou fazer ciência da computação ou algo relacionado, pois estou concluindo um curso técnico em informática e apesar de eu gostar e até querer fazer ciência da computação; eu acho que a comunicação tem mais a ver comigo, a parte visual e escrita tambem.
Bom, vamos ver em que federal eu passo ano que vem.
To achando que esse post está ficando muito psicologo, pedagogico, sociologico e sentimental.
Mas a pergunta que eu quero fazer a vocês é a seguinte: vocês tambem tem ou tiveram sonhos na adolescencia? queriam ou querem fazer algo que ainda não fizeram?
Comentem!

2 comentários:

Helton Eduardo Ritter disse...

* Muito show o layout novo do blog.

Ainda vou sair da informática e ir para algo como microeletrônica ou algo próximo a isso. Idea velha, coisa de 6a 7a série, mas ainda me parece atraente.

... disse...

ainda somos os mesmos e vivemos...

BlogBlogs.Com.Br